A quarentena está sendo, pra mim, um caminho em busca da minha essência. Os cabelos alisados com escova progressiva deram espaço aos meus cachos, graças ao processo de transição capilar. E, aos poucos, volto a ser quem eu realmente sou, cacheada e feliz com os meus cabelos.

Os cachos ganham definição aos poucos, mesmo depois de muito tempo alisando. E pode parecer externo isso tudo, superficial, mas não é. Eu acredito nas mudanças de fora pra dentro assim como acredito nas mudanças de dentro pra fora! 

Para as meninas que também estão passando por este processo, vou deixar aqui algumas recomendações do que tem me ajudado.

  • Escolher os produtos certos é fundamental! Na fase de transição, os cabelos costumam apresentar ressecamento e também ficam mais quebradiços. Por isso é importante escolher shampoo e condicionador adequados;
  • Estabelecer uma rotina de hidratação, nutrição e reconstrução dos fios. Mesmo em casa, é possível achar bons produtos e realizar os processos alternadamente;
  • Manter o corte de cabelo em dia. Você pode optar por cortar as partes que possuem química de pouco em pouco ou então ser mais radical e cortar de uma só vez (eu escolhi a 1ª opção).

Antes e Depois

Penteados que podem ajudar

Sabe o famoso “bad hair day”? São aqueles dias em que os fios ficam mais rebeldes e é impossível sair de casa sem encontrar uma alternativa.

Durante a transição capilar esses dias serão mais recorrentes, podendo haver mais frizz, diferentes texturas e definições. É nessa hora que você vai usar o seu estoque de criatividade para fazer alguns penteados coringa.

Acessórios podem ajudar como lenços, laços e grampos. Usar o cabelo semi-preso, fazer tranças e coques também são excelentes opções. Por aqui, eu adotei o “coque abacaxi” como meu aliado!

Gostou das dicas? Lembre-se de que a transição capilar é um processo libertador, sem dúvida, mas é lento e também exige muita paciência. Compartilha aqui comigo a sua experiência.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorDez perguntas sobre gordofobia
Próximo artigoPor que o meu corpo te incomoda?
Bárbara Forte é contadora de histórias, aquariana e obstinada por grandes revoluções - principalmente internas. Compartilha vivências do seu processo de autoestima e entrevista mulheres inspiradoras.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here